9 de set de 2009

A arte de Trabalhar em equipe

Manuella e Duda
Vinicios e Arthur

Cada dia cresce em mim a convicção da importância da Educação na restauração da sociedade brasileira. Vivencio em sala de aula o poder da palavra certa, a interferência correta em uma "briga", a sugestão de uma nova postura, um olhar para os "avessos". Fazer memória de alguns valores como amizade, respeito a pessoas, a natureza...

Trabalhar em duplas ou equipe é uma dinâmica que gosto muito de fazer em sala de aula. Exercitar o diálogo, a tomar juntos a melhor decisão para que o trabalho fique legal... É aprendizado que fica incorporado na maneira de ser pessoa. E para quem pensa que não é comum acontecer bullying, engana-se. Fico surpresa como isto acontece com frequência. A primeira lei do Gabriel Chalita, como vereador, trata-se do Combate ao Bullying.

Voltamos aos quatro pilares da Educação: Aprender a ser, fazer, conhecer e relacionar-se.

Todos são importantes e precisam ter o mesmo grau de atenção. Que a Educação encontre o caminho de qualidade que tanto sonhamos.

Estimular e despertar os jovens para esta aventura gostosa de buscar novos conhecimentos, usar bem sua criatividade, e expressar seus sentimentos.

Coloco aqui um post do Gabriel Chalita que tem um trabalho incansável para mudar a realidade da Educação no Brasil .

Projeto de Combate ao Bullying

Gabriel Chalita

Queria contar-lhe sobre o Projeto de Lei 069/2009, de combate ao bullying nas escolas públicas, apresentado por mim, e aprovado por unanimidade pela Comissão de Constituição e Justiça e, em primeira votação, no Plenário da Câmara Municipal de São Paulo. Acredito que a principal ferramenta é a conscientização de que o problema existe. A partir do diagnóstico, da conscientização e da informação, podemos atuar de forma preventiva e apoiar os estudantes vítimas de humilhação, desrespeito, discriminação, ofensas e agressões físicas, que, não raro, culminam na morte de crianças e jovens. Há estudos que mostram que cerca de 50% dos estudantes brasileiros se envolveram em práticas de bullying, seja como vítima, seja como agressor.(continua) para lêr na íntegra : aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por deixar seus comentários .Eles são sempre bem vindos!