28 de ago de 2010

Festa da Nação Brasileira do NEI Ipê Amarelo !


"Na nossa festa , preparada com muito empenho e carinho , houve muita diversão,sabores e saberes..."
  Sempre fico emocionada com a participação das Famílias nos eventos que o NEI Ipê Amarelo organiza.
Todos estão de parabéns ! Coordenação ,Direcção ,Professores, colaboradores  enfim , a lista é grande , mas o show a parte sempre fica por parte das crianças do M1 até o Pré. Conheceram e descobriram o Brasil , se encantaram com Bumba Meu Boi , apaixonaram -se pelas lendas ,danças e artesanato. Sou suspeita em falar porque amo educação infantil e acredito que ainda não descobrimos o valor e a importância que as crianças tem em nossas vidas !!!

A beleza do Inverno em Santa Maria !!!

                                                              Final de tarde na  UFSM
 Linda a minha cidade não ? Beijos ! até mais !

Quem tem que mudar SOU EU - by Ricardo Sá


Recebi este mimo de Scrap via Twitter, da Cássia. Amiga de palavras rápidas , mensagens RTuitadas , mas carinho redobrado e diário. Logo lembrei do livro do Ricardo Sá e Eliana  que tem o Titulo perfeito , que deveria estar escrito em todo s locais de trabalho .Sério! Acabariam com as criticas , sugestões ,e fofocas ! Os conflitos e as horas perdidas em esclarecer situações seriam usadas para realmente cada um fazer sua parte bem feita e promover o Bem estar de todos , não concordam ?Mas a regra também vale para relações familiares ...grupos de estudos etc....Olhem a resenha ...


Resenha :Quem tem que mudar SOU EU - Ricardo Sá 
Muitas vezes as nossas limitações humanas nos fazem enxergar apenas os nossos problemas.
Quando isso acontece, nossa tendência é procurar um culpado para eles – chegamos a atribuir a responsabilidade até a Deus. Não percebemos que não há culpados, mas somente a solução, nós mesmos, uma vez que possuímos o bem mais precioso e transformador de toda e qualquer realidade: o Amor! Basta acreditarmos no Amor de Deus por nós e nos dedicarmos ao nosso amor pelo próximo para vencer os desafios.

Esta é a conclusão que o casal Ricardo e Eliana Sá obtém ao refletir com delicadeza poética sobre essa realidade em narrativas e testemunhos presentes neste livro.
“Quem disse que as pessoas precisam mudar? Pessoas existem para serem amadas! Se as queremos diferentes para que mereçam nosso amor ou respeito, devemos nos questionar sobre qual experiência de Deus fizemos! Se alguém tem que mudar… Já sabemos quem é!”

Alimentação saudável sem Conflitos!

                                                 Psicologia alimentar

"Acho que ja falei por aqui que eu era muito problematica pra comer. Quando criança era movida por farinha lactea e não comia nada além disso. Depois que cresci não fiquei muito melhor, a hora do almoço era uma tortura pra mim, achava chatissimo esse negocio de comer varias vezes por dia. So passei a gosta de comer depois que conheci o cheri e descobri que não precisava comer arroz e feijão todos os dias: minha vida mudou. Minha familia não é chegada à frutas e legumes, e eu nunca dei espaço pra sabores diferentes na minha boca até eu ir pra Australia, pois achava que tinha que provar os alimentos exoticos do lugar.

Foi assim que me apaixonei por 'zucchini'. Quando o cheri me aprensentou esse legume tão saboroso, tão diferente, não quis saber de outra coisa, queria comer o tal do zucchini todo dia (mal sabia que estava prestes a plantar e colher zucchini pelos proximos seis meses!). Queria contar minha descoberta culinaria para meus amigos do Brasil, então fui olhar no dicionario qual era a tradução da maravilhosa iguaria e tomei um susto quando li "abobrinha". A-BO-BRI-NHA. Toda minha satisfação foi abaixo e so consegui murmurar "mas eu não gosto de abobrinha.........".

Aconteceu a mesmissima coisa com os persimons. Numa fazenda, eu e o cheri estavamos encarregados de colher uma fruta muito boa chamada persimon. Corri pro dicionario, não tinha nada. Dai me assegurei da exoticidade da fruta, ja podia me gabar, ainda mais quando me falaram que ela é exportada so pro Japão, e os japoneses pagam uma nota preta por elas. Depois de um mês comendo muito persimon, voltei pra cidade e levei pras minhas amigas alguns exemplares da fruta, e uma delas ja foi logo dizendo: "Ah, que legal, você trouxe caqui!". :/

Aqui na França também não foi muito diferente. Aconteceu igual com o poirot, que na verdade é o alho poro que eu nunca tinha comido mas detestava mesmo assim, no Brasil. E em Paris virou rapidamente meu legume preferido. Mas minha mais recente descoberta foi o basilic, que eu achava super chique, super autêntico e super mediterrâneo. A vida estava muito boa e tranquila entre eu e meu basilic até minha mãe, ingenuamente, fazer a fatidica pergunta: "mas o que é basilic em português?". Pronto. Uma rapida busca na internet me mostrou o inevitavel: basilic é simplesmente manjericão. Minha decepção não podia ser maior. Nem preciso dizer que eu detestava manjericão, né?"

                  OLá! Então ? O que acharam deste delicioso artigo ? Pois fiquei pensando nas crianças
do Núcleo de Educação Infantil onde trabalho como Arte educadora , e um dos momentos que adoro
estar com as crianças alem é claro de estar em aula , e no refeitório ...Fico encantada como eles comem tudo o que cada dia a nuticionista oferece ....Creio que esta geração novíssima não tem problemas como e a Amanda do Peti Journal e todos os seus seguidores que comentaram o artigo . Vale a pena você ir dar
uma olha .....Até mais !

25 de ago de 2010

Um página belíssima by Renata Pacheco



Não resisti  , e venho aqui partilhar com vocês uma das páginas que gosto muito de autoria de Renata Pacheco , do blog Scrap Party. Linda não? Os detalhes são preciosos . E como sempre ela explica tudo muito bem em seu blog:
"Entre as técnicas utilizadas nesta página, usei muito os recortes e as costuras, com sobreposição de materiais. No passarinho, por exemplo, passei Stickles, para dar brilho."


                   Gostarão? Cada detalhe e todos os materiais utilizados pela Renata estão aqui .
                    Vale a pena olhar com calma e inspirar-se! até mais !

Irresistible Tag !!!! by Tatterede Angels Educator




Olá! Amo tags ! Acho que elas tem um charme único , e as vezes  elas  existem por si mesma , não estão
necessariamente complementando uma página....No momento tenho estudado muito . Pouco tempo sobra para meu lazer  que é o scrapbooking. Enquanto isso publico as obras maravilhosas dos blogs parceiros que sigo . Estas tags e outras  você encontra aqui.
Gostarão ? Então até mais ....beijos!

23 de ago de 2010

Síndrome de avestruz




Sabem quando  temos uns dias de avestruz? Aqueles dias em que temos vontade de enfiar a cabeça na terra para fugir de tudo que se passa ao redor? Pois é, como nada na vida é perfeito, a estratégia do avestruz também não vai funcionar, simplesmente porque isso tudo é lenda. Abrindo um parêntese para uma breve observação biológica, o avestruz não enfia a cabeça na terra quando está com medo, ele simplesmente encosta a cabeça no solo para sentir melhor as vibrações e assim saber quando algum perigo se aproxima, como sua cabeça é muito pequena se comparada ao seu corpo, de longe parece que está enterrada em algum buraco.

Agora voltando para os humanos-pseudo-avestruzes, a má notícia é que não há o que fazer. Você não pode simplesmente enfiar a cabeça em um buraco qualquer (e tem gente que leva isso muito a sério) para fugir de situações que te desagradam, momentos em que é difícil olhar nos olhos da vida e perguntar em voz alta: e agora? Ou pior ainda, momentos em que é preciso olhar seus próprios olhos no espelho e fazer para si mesmo essa pergunta.Talvez a própria vida esteja tão assustada quanto você diante dos fatos. Mas quem falou que a natureza não tem suas estratégias? E a coisa pode não ser tão perfeita como queremos, mas algum proveito podemos tirar dos ensinamentos do mestre avestruz. O que quero dizer, meus caros, é que existem momentos em que devemos parar, respirar fundo, e chegar bem perto do problema, talvez tocar nele para sentir sua vibração. É preciso perceber o que a vida espera da gente, é preciso confrontar com aquilo que esperamos dela. Quem tem mais a oferecer? 


Simples, né? Rápido percebemos que somos uma insignificância se comparados à infinidade de possibilidades que a vida nos oferece. Porque sofremos então? Porque somos passionais, meus leitores, desejamos as coisas de tal forma que entendemos não conseguir viver sem elas. Não aprendemos a abrir mão de nossos desejos, não é da nossa natureza desistir de algo que nos dá prazer (prazer?). Alguns chamam de orgulho, outros de questão de honra, há ainda os que acreditam ser pura vaidade.


É verdade que se desistirmos de nossos objetivos ao primeiro sinal de dificuldade nunca iremos chegar a lugar algum, muitas vezes é preciso resistir quantas vezes forem necessárias. Acontece que existem desejos e desejos, alguns são necessários, outros totalmente dispensáveis, e são justamente esses que mais nos atormentam, enquanto aqueles deixamos de lado facilmente.
É muito difícil aceitar que não conseguimos lidar com nossos problemas, mas basta olhar ao redor para ver que isso é comum. É tolo aquele que acredita existir alguém inabalável diante de determinadas situações, mais tolo ainda aquele que acredita ser esse alguém. Então, o primeiro passo para resolver as pendências com a vida e o tal destino (se é que existe um) é aceitar que existe um problema, e que provavelmente sua solução depende de uma renúncia. Ou vocês pensavam que algo viria de graça?


Não, é preciso saber negociar com a vida, sem isso ela nem ao menos nos dá ouvidos. E renúncia depende de desprendimento, de deixar ir, mesmo que com o coração amassado. É preciso saber a hora de abrir mão, é preciso ter consciência dos seus limites.


Enfim, não há receita receita para lidar com os problemas que nos sufocam a cada dia e cada vez mais. Mas com certeza há contraindicações e uma delas é que se você, na tentativa de fugir dos seus problemas enfiar a cabeça no buraco, corre o risco de morrer sufocado, e não é pela terra, mas sim pela própria dor reprimida e pelos pensamentos não revelados. O avestruz já aprendeu isso.
                   Por  Paulo Gomes  by  Miscelânia Emocional
                                      

                                                       

22 de ago de 2010

Sem amor, eu nada seria...

                                                              fonte: Flowers


Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria...
É só o amor, é só o amor
Que conhece o que é verdade
O amor é bom, não quer o mal
Não sente inveja
Ou se envaidece...
O amor é o fogo
Que arde sem se ver
É ferida que dói
E não se sente
É um contentamento
Descontente
É dor que desatina sem doer...
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria...
É um não querer
Mais que bem querer
É solitário andar
Por entre a gente
É um não contentar-se
De contente
É cuidar que se ganha
Em se perder...
É um estar-se preso
Por vontade
É servir a quem vence
O vencedor
É um ter com quem nos mata
A lealdade
Tão contrário a si
É o mesmo amor...
Estou acordado
E todos dormem, todos dormem
Todos dormem
Agora vejo em parte
Mas então veremos face a face
É só o amor, é só o amor
Que conhece o que é verdade...
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos
Sem amor, eu nada seria...
Composição: Renato Russo (recortes do Apóstolo Paulo e de Camões).
Uma ótima semana para vocês . Estou em dívida ,meus projetos estão parados mas 
logo , logo estarão aqui e terá valido a pena esperar .
Até mais ......


17 de ago de 2010

Tutorial: Flor by Balzer Designs


                                                             Fonte: Balzer Designs

Olá! O calor voltou a Santa Maria , bem um calor de primavera . Esta muito gostoso ! Andei a pouco pelas ruas da cidade. Passear sempre faz bem para o corpo e para alma . O que acharam desta flor ??? Fiquei apaixonada ! Já fiz algumas mas este PAP é mais pratico . A fonte é o Designs  Balzer que nos oferece este tutorial .

                 1.
PRIMEIRO PASSO
Cortar uma série de círculos graduados do jornal. Use uma tesoura. A idéia é para que seja um pouco instável e desigual.
http://balzerdesigns.typepad.com/.a/6a00d8341c766153ef011571255552970b-450wi




SEGUNDA ETAPA
Empilhá-los juntos de menor a maior para cima (para baixo).
http://balzerdesigns.typepad.com/.a/6a00d8341c766153ef0115703020b6970c-450wi


PASSO TRÊS
Faça um buraco no centro da pilha inteira com uma Crop-O-Dile.

http://balzerdesigns.typepad.com/.a/6a00d8341c766153ef011571255c2c970b-450wi


PASSO QUATRO
Coloque um prego através do buraco.

PASSO CINCO
Pintar as flores com tinta aquarela.
http://balzerdesigns.typepad.com/.a/6a00d8341c766153ef011571255f54970b-450wi

 Para saber como a flor fica linda pintada e com outras dicas do site  entra aqui
O que gostei e a tradução simultânea , você não precisa ir em algum site que traduz a ferramenta 
já esta disponível quando visita o blog. Quero aprender a fazer isso no meu blog. Mas não tenho 
pressa . Não consegui tempo para fazer meus projectos e mostra-lo aqui . E olha que trabalho bem menos que no ano passado . Não acredito que seja os compromissos que nos impedem de fazer o que queremos 
mas vamos perdendo a capacidade de organizar o dia , priorizar e dizer não .
Mas não desanimo . Meus projectos estão aqui pertinho , logo começo a produzir arte ....
Aguardem ! até mais ....Fiquem com Deus !





15 de ago de 2010

Show Viver de Rir estréia com sucesso em Recife!

Na noite desta sexta-feira, 23 de julho, aconteceu a tão esperada estréia do Show Viver de Rir, apresentado pelo estudante de jornalismo e missionário da Comunidade Obra de Maria, Ivanildo Silva. Devido a grande procura de ingressos e com o desejo de atender a todos, foi necessário abrir uma sessão extra, sendo uma apresentação às 18h e a extra às 20h.


O Show aconteceu no auditório da Igreja da Soledade no bairro da Boa Vista em Recife, com capacidade para 400 pessoas sentadas. Logo na abertura, uma apresentação do Grupo de Artes Resgate, em estilo Pantomima, um teatro gestual que faz o menor uso possível de palavras e o maior uso de gestos. É a arte de narrar com o corpo, no entanto, foi usada a música, “O Palhaço” de autoria de Grecco, Cantor católico, na versão do Vocal Ellas, agradando ao público e já dando o tom da proposta do evento, oferecer o talento que se possui para fazer a evangelização acontecer.

Em seguida, Ivanildo Silva foi chamado ao palco e aclamado pelo público que lotava o espaço, logo se encarregou de saudar os participantes e em forma bem humorada explicou de que se tratava e como funcionava o show. Com histórias de sua infância pobre e com destaque ao relacionamento com a sua avó, Ivanildo também arrancou boas risadas dos participantes contando acontecimentos de seu dia-a-dia religioso e entre um tema e outro gritava junto com a platéia: “este show é para viver de rir, porque morrer ninguém quer!


A apresentação, que durou cerca de uma hora e meia do mais puro humor sem imoralidade, já é considerada a única no estilo Stand-up Comedy (comédia em pé) Católico do Planeta. Após os cumprimentos do público, Ivanildo juntamente com a equipe preparava-se para uma sessão extra, devido à grande busca por ingressos. Com algumas dezenas de participantes ele repetiu a dose com a mesma intensidade da sessão de estréia.

Ao final de cada uma delas, explicou que o projeto Viver de Rir, tem como objetivo manter a Casa de Missão, da qual é responsável no município de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife e que se cada um dos participantes pusesse o seu talento à serviço de Deus, tudo seria bem mais fácil para a evangelização. Encerrou as apresentações cantando a música encenada pelo grupo Resgate no início do show....
                     Então gostarão ? Sou seguidora da dupla DDD no Twiter  faz tempo e agora sigo o @viverderir . Gosto muito das músicas, do ritmo  e o bom humor dos CDs da Dupla DDD e shows, e Claro dos post divertidos no dia a dia do Twitter. Como talento eles tem de  sobra, nasce agora nasce o  espectáculo Viver de Rir. Em tempos de pouca tolerância e muito mal humor ,ajudar as pessoas a rir e olhar a vida com mais otimimismo , é uma grande proeza ,não ?

Espero ter a oportunidade de assistir o espectáculo , quem sabe em Cachoeira Paulista em alguma ida a Canção Nova ?!
Deixo o meu grande abraço e desejo de Boa sorte ao Ivanildo Silva e seu grupo .!!!!!!!!! Inspire-se com este grupo e coloquem seu talento a serviço do Bem Comum , e quem sabe mudamos a "cara do Planeta "? até mais ....

Para contratar o grupo 
e alegrar sua cidade :
Contatos para Shows e eventos: (81) 3222-8927 – Mara
ou viverderir@gmail.com

13 de ago de 2010

Ofença que não me alcança by Fotos que falam



“Se alguém me ofender, procurarei elevar tão alto a minha alma para que a ofensa não me chegue”
                                              Charles Dickens  by Fotosquefalam
                             Olá. Não há muito o que dizer a foto e a frase fazem todo o discurso ....  mas sinceramente toda minha semana foi uma grande tentativa de "Jogar" a boneca para o mais alto possível.....Algumas vezes até que  consegui!!!E vocês ,o que fazem ? Quero sempre ir além ,evoluir , buscar as coisas do Alto. Nada de dar o troco , perdoar sempre! Difícil nê? Mas não é impossível ! .... Até mais !
                                  

12 de ago de 2010

A arte de Andy Singleton

                                                      "Fotografia de Richard Sweeney     

Olá!Vocês gostam de História da Arte ? Sou apaixonada ! Os Movimentos de Vanguarda  desde o século XIX, com o aparecimento da fotografia e do cinema , tentam encontrar formas alternativas de representar a realidade. Nesta época ensaiam-se inúmeras experiências cheias de ousadia e originalidade. Pintar realisticamente uma paisagem ou um retrato deixaram de fazer sentido e foram entusiasticamente substituídos pela fotografia,e em alguns movimentos de vanguarda optaram  por  não usar suporte para pintura, desenhar  ,e utilizarão elementos do dia a dia como a Pop arte para torna-lo obra de arte . Então vamos de Monet a  Marcel Duchamps e R. Hausmann.

E Hoje ? Não existem mais fronteiras entre escolas , movimentos ou artistas . O que realmente vale é a releitura usando ou não os manterias académicos . O que é necessário sempre : talento, criatividade e muita ousadia .
Visitando o site Scrapbooking Brasil , encontrei uma super dica que a Carla postou , que não resisti , investiguei , desejei conhecer mais de perto e  já sou seguidora do Facebook do artista Andy Singleton.



                                             Detalhes de sua obra "Nuvem de Pó"...
                    


'Inspired by photography from the Hubble space telescope, Andy Singleton attempts to explore the scale, intricacy and beauty of our universe. "Inspirado por fotografia a partir do telescópio espacial Hubble, Andy Singleton tenta explorar a dimensão, complexidade e beleza do nosso universo. Choosing the medium of large scale paper cuttings, he hopes to inspire the same sense of awe that we feel when we look into the deepest regions of space. Escolhendo a mídia de grande escala de recortes de papel, ele espera inspirar o mesmo sentimento de admiração que sentimos quando olhamos para as regiões mais profundas do espaço. ' »

                      "Inspirado por fotografia a partir do telescópio espacial Hubble, Andy Singleton tenta explorar a dimensão, complexidade e beleza do nosso universo.  Escolhendo a grande escala para recortes de papel, ele espera inspirar o mesmo sentimento de admiração que sentimos quando olhamos para as regiões mais profundas do espaço. ' »

                              Para conhecer mais sobre o artista e sua obra aqui 
                              Então ? Ousar e inovar pode ser o caminho seguro para você conquistar seu espaço em tempos de  Globalização  .Até mais ! Fiquem com Deus!

11 de ago de 2010

Debate entre presidenciáveis dia 23/08/2010 na TV CN


Debate entre presidenciáveis abordará temas de interesse católico

 "O primeiro debate entre presidenciáveis promovido pela TV Canção Nova e Rede Aparecida, marcado para o próximo dia 23, pretende criar um espaço inédito para que temas de interesse dos católicos sejam tratados com profundidade, além de outros assuntos atuais.

O debate acontecerá no auditório da Faculdade Santa Marcelina, em São Paulo, a partir das 22h e será transmitido ao vivo para todo o Brasil e para alguns países. Estima-se um público de mais de 100 milhões de telespectadores.

“Nossa intenção é dar oportunidade ao telespectador de conhecer melhor cada candidato, suas ideias e soluções para nossa sociedade. É um espaço para levar mais subsídios para nosso público, a fim de que os eleitores possam fazer as melhores escolhas”, comenta Ana Paula Guimarães, superintendente da TV Canção Nova. "(...)

            " Para definir as regras do debate, foram realizadas reuniões com as assessorias dos candidatos José Serra (PSDB), Marina Silva (PV), Plínio Arruda Sampaio (PSOL) e Dilma Roussef (PT). Até o momento, apenas Dilma ainda não confirmou presença."......
                     Saiba +  informações sobre como acontecerá o Debate aqui
                     Fonte : Canção Nova Noticias

                     Dia 23/08 não perderei o Debate ,pois quero urgentemente que nosso País encontre um novo caminho  na Politica , com pessoas comprometidas com o Bem comum , com a Ética , e com a Verdade.

 

10 de ago de 2010

Solidão Contente





Solidão Contente



O que as mulheres fazem quando estão com elas mesmas  ?

* Ivan Martins, editor-executivo de ÉPOCA *



Ontem eu levei uma bronca da minha prima. Como leitora regular desta coluna, ela se queixou, docemente, de que eu às vezes escrevo sobre “solidão feminina” com alguma incompreensão.
Ao ler o que eu escrevo, ela disse, as pessoas podem ter a impressão de que as mulheres sozinhas estão todas desesperadas – e não é assim. Muitas mulheres estão sozinhas e estão bem. Escolhem ficar assim, mesmo tendo alternativas. Saem com um sujeito lá e outro aqui, mas acham que nenhum deles cabe na vida delas. Nessa circunstância, decidem continuar sozinhas.

Minha prima sabe do que está falando. Ela foi casada muito tempo, tem duas filhas adoráveis, ela mesma é uma mulher muito bonita, batalhadora, independente – e mora sozinha.
Ontem, enquanto a gente tomava uma taça de vinho e comia uma tortilha ruim no centro de São Paulo, ela me lembrou de uma coisa importante sobre as mulheres: o prazer que elas têm de estar com elas mesmas.

“Eu gosto de cuidar do cabelo, passar meus cremes, sentar no sofá com a cachorra nos pés e curtir a minha casa”, disse a prima. “Não preciso de mais ninguém para me sentir feliz nessas horas”.

Faz alguns anos, eu estava perdidamente apaixonado por uma moça e, para meu desespero, ela dizia e fazia coisas semelhantes ao que conta a minha prima.

Gostava de deitar na banheira, de acender velas, de ficar ouvindo música ou ler. Sozinha. E eu sentia ciúme daquela felicidade sem mim, achava que era um sintoma de falta de amor.
Hoje, olhando para trás, acho que não tinha falta de amor ali. Eu que era desesperado, inseguro, carente. Tivesse deixado a mulher em paz, com os silêncios e os sais de banho dela, e talvez tudo tivesse andado melhor do que andou.

Ontem, ao conversar com a minha prima, me voltou muito claro uma percepção que sempre me pareceu assombrosamente evidente: a riqueza da vida interior
das mulheres comparada à vida interior dos homens, que é muito mais pobre.

A capacidade de estar só e de se distrair consigo mesma revela alguma densidade interior, mostra que as mulheres (mais que os homens) cultivam uma reserva de calma e uma capacidade de diálogo interno, que muitos homens simplesmente desconhecem.

A maior parte dos homens parece permanentemente voltada para fora.
Despeja 
seus conflitos interiores no mundo, alterando o que está em volta.

Transforma o mundo para se distrair, para não ter de olhar para dentro, onde dói.
Talvez por essa razão a cultura masculina seja gregária, mundana, ruidosa.

Realizadora, também, claro. Quantas vuvuzelas é preciso soprar para abafar o silêncio interior? Quantas catedrais para preencher o meu vazio? Quantas guerras e quantas mortes para saciar o ódio incompreensível que me consome?

A cultura feminina não é assim. Ou não era, porque o mundo, desse ponto de vista, está se tornando masculinizado. Todo mundo está fazendo barulho. Todo mundo está sublimando as dores íntimas em fanfarra externa. Homens e mulheres estão voltados para fora, tentando fervorosamente praticar a
negligência pela vida interior – com apoio da publicidade.

Se todo mundo ficar em casa com os seus sentimentos, quem vai comprar todas as bugigangas, as beberagens e os serviços que o pessoal está vendendo por aí, 24 horas por dia, sete dias por semana? Tem de ser superficial e feliz.

Gastando – senão a economia não anda.
Para encerrar, eu não acho que as diferenças entre homens e mulheres sejam inatas. Nós não nascemos assim. Não acredito que esteja em nossos genes.

Somos ensinados a ser o que somos.

Homens saem para o mundo e o transformam, enquanto as mulheres mastigam seus sentimentos, bons e maus, e os passam adiante, na rotina da casa. Tem sido assim por gerações e só agora começa a mudar. O que virá da transformação é difícil dizer.

Mas, enquanto isso não muda, talvez seja importante não subestimar a cultura feminina. Não imaginar, por exemplo, que atrás de toda solidão há desespero.
Ou que atrás de todo silêncio há tristeza ou melancolia. Pode haver escolha.

Como diz a minha prima, ficar em casa sem companhia pode ser um bom programa.

– “ Desde que as pessoas gostem de si mesmas e sejam capazes de suportar os seus próprios pensamentos. Nem sempre é fácil ! ”

Gostarão? Eu simplesmente amei . Não creio que seja um capricho da mulher , mas uma necessidade, para manter seu equilíbrio , para poder estar com coração aberto, ordenado , limpo , para novamente  doar-se com alma , aos seus ...
Penso que nossas avós já sabiam bem o significado e importância desse ritual  quando silenciavam no final do dia e buscavam suas agulhas , para bordar , tecer,fiar , ou simplesmente coser ...


2 de ago de 2010

Clara e Francisco - super trailer um belo filme

bnv

Olá! Esta semana quase não postei . Estive cuidando de minha tia Isa que precisou ficar no Hospital . Passamos um susto. Mas Graças a Deus , ela superou , e esta bem recuperando-se .

Visitando o blog Fotos que Falam , do Marcelo , encontrei o  trailer de um novo filme da história de Francisco de Assis .
Tenho em casa o belíssimo Irmão Sol e Irmão Lua , de Franco Zefirelli ....E sempre assisto .

Este novo  filme traz a História  com uma linguagem mais atual e uma
 abordagem mais profunda da Vocação e entrega total de dois jovens ao serviço de Deus  .


Fica a Dica . Assistam ! Até....
Relise: Este filme é uma superprodução que traz a história dos jovens: Francisco, filho de um rico comerciante de tecidos, com a ambição de se tornar um fidalgo cavaleiro de Assis; Clara, de linhagem nobre, prometida em casamento ao jovem Ranieri di Bernardo.
Chamados por Deus a viver a perfeição do Evangelho, Clara e Francisco trocaram o conforto da família para viver a corajosa opção de seguir Jesus na mais absoluta e total pobreza. De sua resposta generosa, teve início na Igreja a grande Família Franciscana, com sua mensagem de paz e de amor, hoje espalhada no mundo inteiro.