8 de jul de 2013

Indignação e Esperança !

                                                 


Olá! Você como eu  , tem se perguntado como aconteceu a articulação entre internet  e os novos movimentos sociais que de uma forma ainda não muito perceptível reinventa a Democracia e a cidadania , conceitos e valores estes apagados da memoria em meio a sociedade do "espetáculo" do consumo exagerado e desnecessário.

Em uma entrevista a Francisco Guaita, da RT-TV | e com Transcrição e tradução: Daniela Frabasile o sociólogo Castells afirma que "
  ....É na rede,  que ele vê, há muito, a esperança. Aqui, os cidadãos estão multiplicando as formas de produzir colaborativamente, trocar sem tornar-se dependentes de dinheiro, estabelecer redes de informação recíproca. Esta imensa rede de novas relações democráticas e participativas só não se estendeu às instituições porque tal tranposição não interessa nem à oligarquia financeira, nem aos políticos profissionais."
(...)" Graças à indignação, diz ele, as sociedades começaram a superar o medo que as mantinha inertes. Agora, para que não gere apenas raiva, esta indignação precisa converter-se em esperanças e em alternativas."
  O professor catalão fala abertamente do medo e do poder . Poder que não encontra-se mais nas instituições ou governos mas em nosso próprio cérebro. Castells conceitua o poder real que não é o poder da polícia ou do exército. O mais importante, continua ele  é se você quiser ter poder sobre mim, é conseguir que eu pense de uma forma que favoreça o que você quer, ou que se resigne. Aí está o poder! Portanto, o essencial é o poder que está na mente, e a mente se organiza em função de redes de comunicação, redes neurológicas no nosso cérebro, que estão em contato com as redes de comunicação em nosso entorno.
  Muito interessante os pensamentos de Manuel Castelles , não ? Em setembro seu livro será lançado no Brasil com o título : Redes  de Indignação e Esperança . È só esperar e conferir  Para você ler a entrevista na Integra acesse aqui 


                                               


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por deixar seus comentários .Eles são sempre bem vindos!